Educação

Concurso do Colégio Santa Felicidade incentiva combate ao racismo

A temática “Cultura Afro-Brasileira e Indígena” pautou os discursos do VI Concurso de Oratória do Colégio Estadual Jardim Santa Felicidade, em Cascavel, realizado na noite da última segunda-feira (3).

Para o diretor do colégio, Edemilson Pereira, oportunizar aos estudantes refletir sobre a história e cultura afro-brasileiras, africanas e indígenas é fundamental para que percebam que “não é só o vencedor que faz a história, que todo o povo tem sua história e que é preciso conhecê-la para entender o presente e pensar o futuro”.

Segundo ele, o Concurso de Oratória, além de desenvolver habilidades comunicativas traz à tona discussões presentes no meio social que, bem trabalhadas, somam na educação dos jovens e no fortalecimento de uma sociedade mais justa, igualitária, diversa e plural.

Os discursos aconteceram em alto nível, de uma forma instigante e bom desempenho nas apresentações, com foco no respeito ao outro e nas boas práticas de enfrentamento do racismo. Os textos versaram sobre consciência política e histórica da diversidade; fortalecimento de identidades e de direitos; ações de combate às discriminações em geral.

RESULTADO

NÍVEL I

1º José Daniel Bahls
2º Rafaela Messias Corso
3º Stefane da S. Santos
4º Arthur G. Lemke

NÍVEL II

1º Luane Nascimento
2º Emily C. A. Welter
3º Jonas G. Noschang
4º Apoliana Eberhardt

NÍVEL III

1º Lucas Luan Miller

RECEBA O NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL!

--