Agronews

Entidades pedem fim do bloqueio do MST a rodovia

A FAEP e o Sindicato Rural de Guarapuava encaminharam nesta quinta-feira (07) dois ofícios ao governo do Estado pedindo providências em relação ao bloqueio da PR-170 (no trecho entre Guarapuava e Pinhão) por integrantes do Movimento Sem Terra (MST).

As entidades estão especialmente preocupadas em decorrência das fortes chuvas que caíram na região nos últimos dias, que tornaram as estradas vicinais praticamente intransitáveis, deixando apenas a rodovia como alternativa de deslocamento para a população.

Os invasores chegaram à rodovia na manhã desta quarta-feira (06) fechando os dois sentidos da pista, causando longas filas e grandes transtornos para os moradores da região.

No texto do ofício, o presidente do Sindicato Rural de Guarapuava, Rodolfo Luiz Werneck Botelho, destaca que o bloqueio impede a ligação entre as colônias e a cooperativa Agrária. Também o dirigente da FAEP, Ágide Meneguette, atenta para o risco de confrontos e para os prejuízos que já estão ocorrendo em virtude das cargas perecíveis que estão impedidas de chegar aos seus destinos.

RECEBA O NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL!

--