GERAL

Centros de convivência reforçam atenção à população idosa

Agência de Notícias do Paraná

Os investimentos somam R$ 7,8 milhões do Tesouro do Estado, operações de crédito e com contrapartidas municipais

A atenção ao idoso foi reforçada em 15 municípios de diversas regiões do Paraná com a construção ou reforma de Centros de Convivência da Terceira Idade. As obras foram viabilizadas com recursos liberados pela Secretaria do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas, com análise e acompanhamento do Serviço Social Autônomo (Paranacidade). Os investimentos somam R$ 7,8 milhões do Tesouro do Estado, operações de crédito e com contrapartidas municipais.

“O atendimento à terceira idade é uma das políticas estabelecidas como prioritárias pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior e os Centros de Convivência estão entre as principais ações para promover a socialização e orientações sobre saúde, alimentação e a necessidade de lazer”, enfatizou o secretário do Desenvolvimento Urbano, João Carlos Ortega.

Foram beneficiados os municípios de Bituruna, Boa Vista da Aparecida, Corbélia, Cruz Machado, Formosa do Oeste, Inácio Martins, Kaloré (dois projetos), Leópolis, Mandaguaçu, Marquinho, Miraselva, Pinhão, Rio Azul, Terra Boa e Vera Cruz do Oeste.

Os projetos estão em diversas fases de execução – seis já foram concluídos e entregues; um recebeu autorização para licitação; um está com a construtora já contratada; e um com as medições encerradas (última etapa de conferência da obra física). Os Centros de Convivência estão entre as obras que podem ser executados com o apoio do Governo do Estado.

 

Leia também: 

Foz do Iguaçu terá o segundo Condomínio do Idoso do Estado

Garantir o envelhecimento saudável é prioridade no Paraná

 

Siga o Jornal Integração nas redes sociais e fique bem informado:
RECEBA NOSSA NEWSLETTER EM SEU EMAIL

Deixe seu email aqui. Preservamos sua privacidade.