Saúde

Oligospermia, principal problema de infertilidade masculina – causas e tratamento

Foto: Pixabay

A oligospermia é uma das condições que afeta a fertilidade entre o público masculino.

O médico especialista em fertilidade masculina, Emmanuel Fiawoo, esclarece que a oligospermia resumidamente é resultado da baixa concentração de espermatozóides no sêmen: “A concentração normal de espermatozóides é de vinte milhões ou mais. E quando, após exames, esta concentração é inferior, é diagnosticado como um caso de oligospermia”.

O que pode levar homens a um caso de Oligospermia?

De acordo com o médico, há muitos fatores que podem levar ao problema como: homens em idade avançada que naturalmente têm uma queda na produção de espermatozóides; alterações hormonais que podem levar à redução na quantidade de esperma: “Infecções como clamídia, gonorréia, também podem afetar diretamente a função testicular, ocasionando na oligospermia”, acrescenta o especialista.

Como se dá o tratamento do problema?

Fiawoo destaca que homens que levam uma vida desregrada consumindo álcool, cigarro ou que estão expostos diretamente a produtos tóxicos como pesticidas, podem em longo prazo, apresentar o problema.

O tratamento depende principalmente da causa da oligospermia, uma mudança na dieta alimentar costuma ser parte do tratamento e, inclusive, das roupas, já que quando muito apertadas na região peniana podem desencadear no problema.

Em casos de varicocele, condição que gera a dilatação das veias dentro do escroto e que pode levar à oligospermia, pode ser indicada correção por meio de cirurgia.

Pode ser parte do tratamento da oligospermia a indicação de tratamento em reprodução assistida. A melhor maneira de tratar o problema é por meio da procura de um especialista com foco em fertilidade:

“É importante que o homem que apresenta o problema da oligospermia realize exames para saber as causas, se são infecciosas, se decorrentes de desequilíbrio hormonal ou de algum problema físico que esteja impedindo a função testicular”, orienta o especialista.

Em casos da opção por tratamento natural, a planta tribulus terrestris costuma ser a mais indicada. Uma das ações da planta é o aumento na produção de espermatozóides, portanto, a erva pode ser aliada no tratamento da infertilidade masculina, quando realizado em conjunto com o tratamento convencional indicado por um urologista.

RECEBA O NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL!

--