Educação

Por que filosofia para crianças e adolescentes?

Colégio Ellos

Mas, afinal de contas o que é a Filosofia? Eis uma das questões mais desafiadoras para se responder devido à grande quantidade de respostas possíveis. A própria pergunta já soa filosófica. De acordo com a tradição, o primeiro a usar o termo foi Pitágoras de Samos (570 – 495 a.C.), quando, ao ser chamado de sábio, respondeu que não era sábio, mas um “amigo/amante da sabedoria”. É o amor a sabedoria que leva os filósofos a explorar as questões fundamentais a respeito de quem somos nós e por que estamos aqui. Com a Filosofia somos capazes de investigar conceitos como vida e morte, moralidade, existência de Deus, liberdade, política, conhecimento, economia, religião, educação e muitos outros. 

Filósofos, crianças e jovens, compartilham algumas propensões comuns, como o deslumbramento diante do mundo, a curiosidade, a admiração, a atitude de busca e descoberta e o espanto (apontado por Aristóteles como o ínicio da Filosofia). O espírito, a natureza e a essência da Filosofia estão intrinsecamente presentes, com maior força e profundidade, em cada criança e adolescente; o que leva a crer que essa fase da vida não pode passar despercebida ou ignorada.

Pensar na educação a partir de uma abordagem filosófica, significa pensar em uma proposta educacional que visa desenvolver o pensamento e o raciocínio dos alunos desde os primeiros graus de ensino. Podemos dizer ainda que a Filosofia oferece uma forma de reflexão crítica, metódica e profunda que permite ir mais longe ou ao núcleo da compreensão dos problemas e das questões mais complexas da vida. Nos Estados Unidos, no final de 1960, o filósofo norte-americano Mattew Lipman (1922 – 2010) criou o Programa de Filosofia para Crianças, com o intuito de desenvolver as habilidades de pensamento das crianças a partir da investigação e discussão de temas filosóficos. Os estudos de Lipman o levaram, ao longo dos anos, a conclusão de que os frutos do Ensino de Filosofia não podem ser vistos instantaneamente nas crianças, mas que no futuro os efeitos dela nos adultos poderão ser tão admiráveis, que nos arrependeríamos de tê-las privado da Filosofia.

O ser humano tem desenvolvido muito a ciência e a tecnologia, mas, em contrapartida, pouco a ética, a moral, a empatia, a generosidade e as relações humanas. É papel da Filosofia fomentar nas crianças e adolescentes a reflexão e a discussão das diversas realidades que nos cercam, assim como a identificação da subjetividade e individualidade como parte essencial no processo de conhecimento e no enriquecimento das relações humanas.

Mas, afinal, por que não Filosofia para crianças e adolescentes?

           

COLÉGIO ELLOS PROMOVE PROJETO FEIRA DO CONHECIMENTO

O Projeto Feira do Conhecimento foi realizado nos dias 30 e 31 de maio e envolveu a participação e empenho dos alunos do Ensino Fundamental séries finais e Ensino Médio do Colégio Ellos, com a coordenação da equipe docente e equipe pedagógica.

Foi desenvolvido um trabalho de pesquisa pluri e interdisciplinar nos anos e séries, tendo como base a produção do conhecimento das diversas áreas, previstas nos planejamentos dos professores e assim, dar incentivo aos alunos, incentivando-os para iniciarem as atividades, fortalecendo o trabalho coletivo e desenvolverem suas habilidades.

A melhor forma de aprender é fazendo. Partindo desse princípio, surge a necessidade de registrar o aprendizado através de pesquisas, investigações, comprovação de hipóteses, construção de experimentos, pois quando incentivamos a criatividade, os alunos passam a descobrir do que eles gostam

e quais são os seus potenciais.

Por meio de exposições consideramos que a divulgação científica se torna mais eficiente e prazerosa, além da oportunidade que os alunos terão em partilhar seu trabalho, informar as pessoas sobre seu aprendizado e trocar experiências com outras turmas.

Dentro do tema Feira do Conhecimento e considerando que uma das finalidades da escola é contribuir para a formação integral dos alunos, o projeto buscou explorar os fenômenos da natureza, as tecnologias, a sociedade, o maior compromisso dos alunos e a integração das famílias com relação aos estudos realizados.

A Feira do Conhecimento também procurou desenvolver um maior compromisso dos alunos e integração das famílias com relação aos estudos e exposições realizadas no colégio, bem como, recebeu a visita de várias escolas durante as exposições: APAE, Colégio Estadual Alberto Santos Dumont e Colégio Estadual Maria Destéfani Griggio.

 

Ex-aluno do Colégio Ellos divulga Campus da UTFPR em Cafelândia

Meu nome é André Vizzotto, tenho 19 anos e me formei no Colégio Ellos em 2017, atualmente curso Engenharia Civil na UTFPR Câmpus Toledo. Escrevo hoje para falar sobre a instituição onde estudo com intuito de divulgar seu papel social na formação de novos profissionais e também para atrair novos alunos, enfatizando a grande possibilidade de ingresso dos alunos do Colégio Ellos e demais alunos dos colégios da região de Cafelândia em instituições públicas de ensino superior.

            A UTFPR, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, vem do antigo Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná (CEFET-PR) 1909 – 2005, e obteve a melhor avaliação dentre as instituições federais de ensino superior do Paraná segundo o IGC divulgado em 2013 e 2014. A UTFPR conta atualmente com treze câmpus no estado, sendo eles: Apucarana, Campo Mourão, Cornélio Procópio, Curitiba, Dois Vizinhos, Francisco Beltrão, Guarapuava, Londrina, Medianeira, Ponta Grossa, Pato Branco, Toledo e Santa Helena. O Câmpus Toledo possui três blocos com salas de aula, laboratórios, restaurante universitário, biblioteca, ginásio de esportes e estacionamento, com uma área total de 59.721,80 m² para atender 1.589 acadêmicos de graduação, formação pedagógica e pós-graduação. Os nossos professores são mais de 80% doutores e, além das aulas, temos diversos projetos de pesquisa desenvolvidos pelos professores e alunos, assim como projetos de extensão, que levam para a comunidade algumas ações que realizamos no câmpus;

            São 7 cursos na UTFPR - Câmpus Toledo. 4 Engenharias: Engenharia Eletrônica, Engenharia Civil, Engenharia da Computação e Engenharia de Bioprocessos - todos esses cursos são de 5 anos, com aulas no período matutino e verspertino. Além disso, temos 2 tecnologias - Tecnologia em Processos Químicos e Tecnologia em Sistemas para Internet. Esses cursos são de 3 anos, no período noturno; e também uma licenciatura - Licenciatura em Matemática - de 4 anos, também no período noturno.  Uma licenciatura é um curso que forma professores. A seleção dos alunos é efetuada pelo Sistema de Seleção Unificada (SISU/MEC), e se dá exclusivamente com base nos resultados obtidos pelos candidatos que realizaram o Enem, sem a realização de um vestibular.

            Primeira chamada - alunos que têm nota de corte para a ocupação das 44 vagas (essa nota de corte é específica em cada semestre, de acordo com os alunos que se inscrevam para o curso e para a UTPFR). Segunda chamada - se todos os alunos chamados na primeira chamada não se matricularem, sobram algumas vagas, que serão ocupadas por alunos chamados pelo sistema, conforme sua nota no ENEM.

            Por fim como aluno ressalto a qualidade do ensino oferecido e a disponibilidade de vagas ofertadas para a população, sendo assim são grandes as oportunidades dos alunos do Colégio Ellos, e também dos demais colégios da região, de terem uma formação em um desses cursos, sendo de grande importância que estes alunos então possam fazer também parte da UTFPR.

 

 

[1] Douglas Philip é professor de Filosofia, Coach pela FEBRACIS – Federação Brasileira de Coaching Integral Sistêmico e pela Flórida Christian University (Miami-EUA), Practitioner em PNL licenciado pela The Society of NLP.

RECEBA O NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL!

--