Agronews

Produção de grãos da Ucrânia é revisada para cima

O clima favorável levou ao aumento das estimativas de produção para todos os grãos na Ucrânia em 2019/2020, de acordo com um relatório da Rede Global de Informações Agrícolas de 15 de outubro do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). A área plantada com trigo, cevada e milho expandiu este ano em relação a 2018, com a área cultivada com trigo e cevada aumentando 14% e 13%, respectivamente, informou o USDA. 

Prevê-se que a produção de cevada aumente 22% para 9,3 milhões de toneladas em comparação com 2018/2019, enquanto a produção de trigo deverá aumentar 16% para 29 milhões de toneladas. Enquanto isso, a produção de milho deverá cair 7%, para 33,3 milhões de toneladas, segundo o USDA. 

"A observação de uma vegetação mais saudável é a base para a previsão de rendimentos 2019/2020 acima da média para todos os grãos", disse o USDA. “No entanto, deve-se notar que condições favoráveis de crescimento para plantas também podem se correlacionar com o aumento dos riscos de surtos de pragas e doenças. Estamos monitorando a situação e ajustaremos as estimativas de rendimento de acordo”, completa. 

O relatório também observou que o excesso de milho da safra 2018/2019 está sendo exportado predominantemente para a UE e a China. Durante o período de outubro de 2018 a março de 2019, a Ucrânia enviou 11,1 milhões de toneladas para a Europa, mais do que o dobro no mesmo período em 2017/2018 e 2,3 milhões de toneladas para a China, quase o dobro do ano anterior. As exportações de farinha da Ucrânia também caíram, pois os embarques de outubro de 2018 a março de 2019 caíram 40% em relação ao mesmo período do ano anterior. 

RECEBA O NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL!

--