Esportes

Tática da nova defesa de Najila é tentar colocar Neymar como "vidraça"

Uma das estratégias do atual advogado de Najila Trindade no caso em que ela acusa Neymar de estupro é direcionar os holofotes para o jogador do PSG. É uma forma de deixá-lo exposto, mais na condição de "vidraça".
Em suas entrevistas, Cosme Araújo instiga o público a questionar os comportamentos do atleta e de seus defensores. "Por que a advogada dele não veio dar entrevista? Porque quem não tem razão não fala", disse o baiano em suas conversas com a imprensa.
Araújo pinça declarações que o atleta teria dado à polícia e sugere reflexões a partir delas. "Não entendo como a pessoa diz que praticou sexo oral sem camisinha e vaginal com camisinha. É estranho", afirmou ele em entrevista. O jogador teria declarado isso em seu depoimento, segundo o advogado.
Vale lembrar que a modelo diz que foi estuprada porque não quis fazer sexo sem preservativo. Já o atleta afirma ter usado camisinha e que a relação foi consensual.
Em um de seus lances mais agressivos em direção do comportamento do jogador, o advogado trouxe à tona um antigo caso envolvendo o astro do PSG.
O episódio foi protagonizado pela influenciadora digital Laryssa Oliveira que chegou a dizer num programa de TV que foi ameaçada por Neymar por supostamente atrapalhar o relacionamento dele com Bruna Marquezine, então namorada do jogador.
Sempre que pode, o advogado lembra do poderio financeiro do craque. E usa frases como "somos o Botafogo de Ribeirão Preto jogando contra a seleção da Espanha".
Ao mesmo tempo em que expõe Neymar, ele bate na tecla de que sua cliente está sendo tratada como criminosa e não como vítima pela maior parte da opinião pública e da imprensa.
Por suas atitudes, o representante de Najila deixa claro que a defesa contra essa suposta distorção é o ataque a Neymar.

RECEBA O NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL!

--