Utilidade Pública

Testes rápidos do Covid-19 são bloqueados pela China e não chegam à Cafelândia

Prefeitura de Cafelândia/PR

Cumprindo o que está descrito no Plano de Contingência e Enfrentamento do Comitê de Crise contra o COVID-19, o Governo de Cafelândia realizou o pedido de 2.500 testes rápidos no mês passado. Este material estava previsto para chegar nos próximos dias, porém, o prefeito Dr. Franus e sua equipe foi surpreendido com o comunicado do fornecedor dizendo que não será possível cumprir com o contrato e fornecer a mercadoria.

Isso tudo aconteceu, pois, o lote adquirido pelo fornecedor viria da China e foi bloqueado o envio deste material ao Brasil, bem como outros insumos. “Fomos pegos de surpresa, porque estávamos ansiosos esperando este material para tranquilizar ainda mais a nossa população. Pelas notícias, vi que outros municípios também não receberam e isso frustrou todo mundo. Agora estamos em busca de outras soluções para conseguir estes testes”, lamenta Dr. Franus.

O secretário de Administração, Adilson Leite Lira, falou sobre a situação. “Agora que recebemos esta notícia, estamos em busca de outros fornecedores, mas estamos com dificuldades, pois não há estoque, e quando se encontra, os preços estão abusivos”, fala.

Vamos nos proteger do COVID-19. Use máscaras, lave bem as mãos, use álcool em gel e saia de casa apenas quando necessário. Se estiver com sintomas gripal, entre em contato com a Secretaria de Saúde no (45) 3241-1708.

RECEBA O NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL!

--