Utilidade Pública

Rodízio inicia em cidades do Oeste e do Sudoeste na segunda-feira

AEN

Rio São Jose Cascavel

Em função da redução na vazão nos mananciais de abastecimento, provocada pela severa estiagem que atinge o Paraná, o rodízio no abastecimento de água será implantado a partir de segunda-feira (30) em três municípios da região Oeste e em seis da região Sudoeste.

A medida é necessária e será aplicada para garantir que todas as áreas das cidades recebam água.

Na região Sudoeste, entram na programação do rodízio os sistemas de abastecimento de Capanema, Planalto, Salgado Filho, Pranchita, Dois Vizinhos e Nova Prata do Iguaçu.

Os rios perderam de 70% a 90% no volume de água, como é o caso do Rio Siemens, que abastece Capanema e Planalto, o Rio Jirau Alto, que fornece água para Dois Vizinhos, e o Rio Tamanduá, em Salgado Filho, que praticamente secou.

Cascavel, Medianeira e Três Barras do Paraná são as cidades do Oeste que passam a ter o fornecimento de água de forma alternada. As vazões dos rios Cascavel, Peroba, Saltinho e São José, em Cascavel, estão com redução de mais de 50% no volume de água.

O Rio Alegria, em Medianeira, voltou a perder vazão acima de 40%. E o Trigolândia, que abastece Três Barras do Paraná, teve queda acentuada, chegando a reduzir 90% no seu volume.

Confira AQUI a programação do rodízio para cada cidade.

USO RACIONAL – A Sanepar alerta que o uso da água deve ser prioritário para alimentação e higiene pessoal. A limpeza dos ambientes, tão necessária neste momento de pandemia, deve ser feita com balde e pano.

O uso da mangueira para qualquer atividade deve ser abandonado. A lavagem da roupa precisa ser feita de forma cumulativa para evitar desperdícios. E a água descartada desta lavagem e do enxágue das roupas pode ser aproveitada nas descargas e limpezas dos ambientes.

Siga o Jornal Integração nas redes sociais e fique bem informado:
RECEBA NOSSA NEWSLETTER EM SEU EMAIL

Deixe seu email aqui. Preservamos sua privacidade.