Agronews

Uva: manejo adequado contribui para visual atraente da fruta

O nordeste brasileiro é referência na qualidade da produção da uva de mesa, ou seja, a fruta que é destinada ao consumo in natura. Entretanto, a baixa precipitação da região demanda dos produtores um manejo de alta tecnologia para alcançar aspectos visuais exigidos pelos mercados consumidores, como coloração e tamanho uniformes, além de consistência da baga e sabor.

Em um dos principais polos nacionais deste cultivo, a cidade de Petrolina (PE), o agricultor Fabio Passos utiliza soluções naturais - à base de nutrientes, aminoácidos e extratos vegetais – em todo o ciclo produtivo visando melhorar a qualidade do produto para exportação. “A fruta produzida com o auxílio dessas ferramentas tem apresentado melhor uniformidade de produção e qualidade superior”, afirma. Atualmente, cerca de 20% da sua produção segue para o mercado externo.

De acordo com o engenheiro agrônomo Marcos Revoredo, gerente técnico da Alltech Crop Science, ao longo do desenvolvimento, a videira pode passar por estresses ambientais devido ao clima, por isso é importante manter a planta sempre bem nutrida. “É preciso atenção desde a adubação de solo até complementações foliares. Por meio da aplicação de nutrientes combinados com aminoácidos é possível melhorar a eficiência da absorção e as condições para que o vegetal suporte variações climáticas”, explica.

Dentro do ciclo da uva, o agrônomo destaca as fases de floração e a de frutificação. “Os nutrientes aplicados nestas fases possibilitam um melhor balanço hormonal da planta, permitindo o redirecionamento da sua reserva fisiológica de maneira mais equilibrada. Assim a degrana é reduzida e conseguimos cachos mais desenvolvidos”, complementa. Levantamento realizado na propriedade de Passos ...

Cafè Gosto Bom

... apontou que o uso das soluções naturais contribuíram para aumento de 16,2% no peso da baga e de 20% na largura do cacho.

Entre os micronutrientes importantes para a cultura estão o cobre, o manganês e o ferro. “Estes elementos são fundamentais pois participam de funções fisiológicas relacionadas a divisão e expansão celular da planta. Essa atuação contribui com a formação das estruturas do vegetal, como os frutos, auxiliando no desenvolvimento ao longo do ciclo produtivo“, afirma Revoredo.

Com estas práticas de manejo, Passos também observou melhoria na vida pós-colheita das frutas produzidas. “Notamos mais resistência ao armazenamento e transporte com redução de danos mecânicos, desidratação e desgrana de bagas”, conta Passos. Dessa maneira, é possível que a uva chegue aos seus países de destino com seus aspectos visuais conservados.

Apoio à produção

Para auxiliar o produtor de uva a atender as exigências do mercado, a Alltech Crop Science possui em seu portfólio o Crop-Set, conjunto de extratos vegetais enriquecidos com minerais complexados por aminoácidos que contribuem na redução do estresse e no aumento dos caracteres produtivos. A ferramenta ainda favorece o pegamento, a padronização e o crescimento dos frutos.

RECEBA O NOSSO BOLETIM EM SEU E-MAIL!

--